ARTIGOS

Automóvel ou Hub de Conexão sobre Rodas?

Sistemas de áudio, computadores de bordo, acendedores de cigarro, ar-condicionado, vidros elétricos e navegação via GPS. Essas foram algumas das inovações que o século XX trouxe para os automóveis a fim de proporcionar comodidade ao motorista e aos passageiros. Com o passar do tempo, as novidades não pararam de chegar e novas tecnologias continuam sendo desenvolvidas e aplicadas para atender à demanda dos usuários. 

No século XXI, as pessoas gostam (e precisam) estar cada vez mais conectadas a serviços digitais. Os aplicativos e a demanda crescem constantemente e o número de serviços segue em expansão. Os compradores de carros estão cada vez mais focados em tecnologia e eficiência, em vez de potência ou torque. 

Independentemente do tamanho do mercado brasileiro após a última recessão e dos novos obstáculos impostos pela Covid-19, os compradores impulsionados pelos Centennials (Geração Z) exigirão que seus carros tenham o mesmo nível de conectividade visto no mundo externo ao automóvel. 

De acordo com um estudo da Autotrader, mais da metade dos compradores agora afirma que a tecnologia veicular é mais importante do que a marca do carro.

Além disso, de acordo com o Sistema de Monitoramento das Inovações Tecnológicas da Bright Consulting, itens como display áudio, câmeras de ré e entrada sem chave no veículo vêm ganhando cada vez mais espaço no mercado nos últimos anos:

Tecnologias avançadas

A atual geração de assistentes automotivos já utiliza a inteligência artificial, incluindo deep learning, para conhecer as preferências do usuário e criar perfis de experiências personalizadas. Em combinação com o conhecimento contextual e mundial, esses sistemas ajudam a tomar decisões bem informadas. Usando biometria de voz, por exemplo, o sistema pode até distinguir entre diferentes usuários.

A interação por voz se estende do infotainment (navegação, multimídia etc.) ao controle do carro (janelas, teto solar, luzes, limpadores de parabrisas, porta-malas etc.) e serviços em geral (conectividade carro-casa, possibilidade de fazer compras dentro do carro etc.).

A IHM (interface homem-máquina) automotiva, que está relacionada ao processo de troca de informações entre seres humanos e o carro, também possui diversos outros meios de interação como: gestos, rostos, realidade aumentada, exibição holográfica e reconhecimento de impressões digitais.

A rápida adoção de novas tecnologias, smartphones e mídias sociais está construindo um novo futuro. Com as preferências do consumidor mudando para um paradigma digital, as marcas estão explorando novas maneiras de digitalizar seus produtos. 

Murilo Briganti e Jonas Neri
Bright Consulting

 

Office: + 55 19 3397.0175

contato@brightisd.com

Condomínio Centre Ville I
Rua Place Des Vosges, 88, BL. 2,
UN 114, CEP 13105-825
Campinas - SP, Brazil